Banrisul prepara oferta de linha de crédito barata para pequenas e microempresas

Até agora, só a Caixa concede financiamento pelo Pronampe, com juro semelhante à taxa básica e sem tantas exigências de garantia de quem contrata

Ainda não há data prevista para o início das operações, mas o Banrisul já confirmou à coluna: vai oferecer a linha de crédito desenhada para socorrer pequenas e microempresas, com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões e também para Micro Empreendedores Individuais (MEI). O banco estadual espera homologação no Fundo Garantidor de Operações (FGO), essencial para esse tipo de financiamento.

A Receita Federal já começou a distribuir a correspondência que abre as portas para esse tipo de financiamento, mas até agora só a Caixa Econômica Federal passou a atender a essa demanda. Do total de R$ 15,9 bilhões destinados ao Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe), a Caixa limitou sua oferta a R$ 3 bilhões.

As regras

Como funciona o programa

LIMITE

O valor financiado não pode passar de 30% do faturamento anual da empresa. Esse valor está sendo enviado pela Receita Federal às empresas.

JURO BAIXO

O custo é um do s menores do mercado, com cobrança de Selic, atualmente em 2,25% mais de 1,25%. Ao ano, não ao mês, como é a média das linhas.

CARÊNCIA LONGA

Depois da concessão, só é preciso começar a pagar oito meses depois. Era para livrar todo 2020, mas, como atrasou, a folga avança em 2021.